RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS

Ao longo dos últimos anos o DPAE vem atuando em tratativas e ações vinculadas à Recuperação de Áreas Degradadas no Campus Trindade da UFSC em Florianópolis.

O Projeto engloba uma série de ações que visam o cumprimento da Sentença Judicial n°5021309-83.2014.4.04.7200,  vinculada à Ação Civil Pública nº 2007.72.00.014573-8/SC, que condena a UFSC à:

“…recomposição dos danos ambientais por meio da execução de medida de compensação, consistente em recuperação da qualidade da água dos cursos d’água (naturais ou artificiais, canalizados ou não) situados no “campus” universitário, mediante: [b.1] levantamento da qualidade da água dos cursos d’água que atravessam o “campus”; [b.2] indicação das causas da poluição, quando constatada; [b.3] encaminhamento à FATMA e Vigilância Sanitária do Município de Florianópolis de relatório acerca das causas, para que estes tomem as medidas indicadas, dentro de sua área de atuação; e [b.4] execução das medidas necessárias à recuperação das águas dentro de seu território (por meio de Projeto de Recuperação de Áreas Degradadas – PRAD) e que tenham como causa atos de sua responsabilidade;”

As ações de natureza executiva deste Projeto (não-pesquisa) estão sob atribuição de diversos setores técnicos da Universidade onde se destacam Departamentos da Secretaria de Obras, Manutenção e Ambiente – SEOMA e a Coordenadoria de Gestão Ambiental – CGA.

O DPAE, vinculado à SEOMA, possui as seguintes atividades sob sua atribuição:

ATIVIDADE

STATUS NO DPAE

ENCAMINHAMENTO OBRA

PROJETO: Recuperação e Compensação das Margens da UFSC
Subprojeto: Diagnóstico das obras civis inseridas em Áreas de Proteção Permanente Estudo em andamento   –
Subprojeto: Projeto Urbanístico de Recuperação das Áreas de Proteção Permanente Aguardando Diagnóstico   –
PROJETO: Esgotamento Sanitário
Subprojeto: Rede interna de coleta de esgoto – setor 01 Prefeitura Projeto Concluído RDC-E 002/2021/UFSC

O estabelecimento destas ações é fruto de um longo processo de discussões internas, externas e negociações que envolveram diversos atores da Universidade e de fora dela. Para facilitar a compreensão criamos a linha do tempo abaixo contendo os principais marcos deste processo, clique e confira.